sexta-feira, 17 de abril de 2009

Mais uma Joia do Rio

Queridos amigos e amigas, finalmente fomos conhecer o Bar do Jóia (o Café Rio Paiva). Encontramos as portas fechadas, uma pena! Porém, graças a insistência do meu amigo jornalista-barista especializado em "butecos" de primeira linha, conhecemos a viúva do "Seu Jóia" (Dona Alaíde), a cozinheira (a "chef" Neide di Holanda) e dois amigos de longa data do histórico supra-citado estabelecimento - um deles chama-se Ataide, o outro, que mantém o Blog da confraria de amigos deste bar, eu esqueci o nome.

Eles estavam reunidos, estudando a notificação oficial que fechou o bar na última semana e pensando em formas de criar uma mobilização de cariocas para reabrir este centenário espaço etílico-gastronômico do Centro do Rio. Estas figuras super simpáticas estão numa grande luta para reabrir o botequim do Jóia, este espaço histórico que está mesmo precisando de ajuda e que acabou de completar 100 anos!

Para mais informações sobre este movimento de cidadania etílico-cultural, visite o Blog:

Tretas da Baia

Vou tentar manter todos os meus 7 (sete) leitores informados sobre este processo.

Um forte abraço, Ciro.

2 comentários:

Rochedo disse...

Ciro

A Confraria agradece o seu apoio.
Os amigos do boteco do Jóia entenderam e estão respondendo. Esperamos já na próxima semana, iniciarmos a reforma exigida. Hoje, não temos dúvidas de que vamos resgatar o centenário Botequim do Jóia.
Para melhorar, bem que os órgãos competentes poderiam prestar um pouco mais de atenção para as ruas da redondeza. Ruas como Camerino, Conceição, Andradas, Senador Pompeu, Barão de São Felix, Leandro Martins e Mal. Floriano imploram.

Ciro Torres Silva disse...

Legal Rochedo, muito obrigado por seu comentário! É isso que o Coisas do Rio quer... tentar ajudar a resgatar a história e o verdadeiro espírito Carioca.

Um forte abraço e pode contar com todos os meus 7 leitores nesta luta!